7.12.07

"garotas calmas e limpas em vestidos de algodão" (Charles Bukowski)

tudo o que eu sempre conheci sempre foram putas, ex-prostitutas,
loucas. vejo homens com mulheres calmas e
gentis - vejo-os nos supermercados,
caminhando juntos na rua,
eu os vejo em seus apartamentos: pessoas em
paz, vivendo juntas. sei que essa paz
é apenas parcial, mas
existe paz, muitas horas e dias de paz.

tudo o que eu sempre conheci foram boleteiras, alcoólatras,
putas, ex-prostitutas, loucas.

quando uma vai
outra vem
pior do que sua antecessora.

vejo tantos homens com garotas calmas e limpas em
vestidos de algodão
garotas com rostos que não são de predadoras ou de
feras.

"nunca traga uma puta junto com você", eu digo para meus
poucos amigos, "eu me apaixonarei por ela."

"você não consegue suportar uma boa mulher, Bukowski".

preciso de uma boa mulher. preciso de uma boa mulher
mais do que da máquina de escrever, mais do que do
meu automóvel, mais do que de
Mozart; preciso tanto de uma boa mulher que posso
senti-la no ar, posso senti-la
na ponta dos dedos, posso ver calçadas construídas
para seus pés caminharem,
posso ver travesseiros para sua cabeça,
posso sentir a expectativa da minha risada,
posso vê-la acariciar um gato,
posso vê-la dormir,
posso ver seus chinelos no chão.

eu sei que ela existe
mas em que parte deste planeta ela está
enquanto as putas continuam me encontrando?

4 comentários:

Ju disse...

Só vc prá me apresentar uma coisa tão boa! Ainda devo o comentário do texto que vc pediu por mail... não esqueci.... farei logo.
Um beijo e nos vemos dentro de um mês.

M.Milanez disse...

essa é boa demais...a colega acima tem toda razão. onde consegues essas preciocidades?
bjs.
Mary

Anônimo disse...

mas acho que Bukowski só permaneceria com essa boa mulher, se tivesse algo das putas, um às vezes alcoólatra, que em musa pudesse tornar-se e, louca...
tirasse esse vestido de algodão!

beijo
clarisse

CAROLINA MASCARENHAS disse...

Toda mulher antes de ser uma puta, ou uma bêbada, foi uma "garota calma e limpa em vestido de algodão".